Destaque

Cotia decide no fim e São Paulo bate o Corinthians por 2 a 1 no Majestoso

Com gols “Made in Cotia”, o São Paulo derrotou o Corinthians por 2 a 1, no Morumbi, pela sexta rodada do Brasileirão-2020. Os jovens Toró e Brenner (autor do segundo gol), foram responsáveis pela jogada do tento que deu os três pontos ao time da casa. Já o Alvinegro, que havia “achado” o empate na primeira etapa, sofreu seu primeiro revés em clássicos nesta temporada.

O primeiro tempo começou como se esperava, com o Tricolor tomando conta das ações do jogo, trocando passes dentro da intermediária do Timão, que por sua vez não conseguia sair daquela pressão, nem mesmo tentando jogar com a bola no pé, sem chutões. Sendo assim, o primeiro lance de perigo foi dos donos da casa, em um cruzamento de Liziero, que Gil desviou na hora certa.
Nos minutos seguintes, o domínio são-paulino permaneceu e avançou ainda mais no campo corintiano, deixando o rival acuado. Não demorou muito para pintar o primeiro tento no placar, mas ele veio em cobrança de falta. Hernanes, que substitui Daniel Alves, bateu firme, no meio do gol e contou com vacilo de Cássio para deixar o São Paulo em vantagem, de forma justa, no Morumbi.

Com a vantagem no resultado, o Tricolor passou a controlar o jogo como quis, mas sem ameaçar tanto a meta de Cássio. Em contrapartida, o Corinthians não conseguia reagir e parecia “encaixotado” e o time só finalizou pela primeira aos 26 minutos da etapa inicial, com Jô. Até que veio a parada técnica e logo em seguida Cantillo fez um belo lançamento para Ramiro, que recebeu na área e finalizou, Tiago Volpi falhou ao tentar defender e a bola entrou para o empate.

Em resposta, o São Paulo tentou pressionar o adversário na reta final do primeiro tempo, mas não obteve resultado, enquanto o Timão se segurou e manteve o empate que “achou” até o intervalo do Majestoso no Morumbi.

Já na volta do intervalo, Tiago Nunes sacou Araos e colocou Luan para tentar mudar um pouco a configuração da partida. No entanto, foi o forte calor o agente principal da mudança no duelo. Desde o início da segunda etapa deu para notar que o rendimento das duas equipes teve uma queda. O cansaço falou mais alto e acabou interferindo no ritmo do duelo, que ficou monótono.

Mesmo com o desgaste, o São Paulo continuou com o domínio da partida e o Corinthians passou a tentar construir melhor o seu jogo, mas foram mesmo os donos da casa que tiveram as melhores chances nos primeiros 15 minutos. Primeiro com Pablo, de cabeça, que Cássio defendeu, e depois com Paulinho Boia, chutando de fora da área, para outra defesa do goleiro alvinegro.

Ambos os técnicos fizeram alterações nesse primeiro terço do duelo, mas o ritmo do clássico continuou mais baixo do que o da etapa inicial. Quem fugiu à regra foi Gustavo Mosquito, com duas boas jogadas pela direita que acabaram neutralizadas pela zaga do São Paulo. Nesse meio tempo, porém, Igor Gomes errou um passe no meio e quase proporcionou perigo contra seu patrimônio.

Tiago Nunes promoveu a estreia de Otero, entrando pelo lado esquerdo, como o próprio meia disse preferir jogar. Enquanto Fernando Diniz colocou Toró no lugar de Luciano para tentar incluir um pouco mais de velocidade no jogo são-paulino. Mas foi uma alteração anterior que decidiu o clássico, aproveitando cruzamento preciso de Toró: Brenner, de cabeça, sozinho, deixou Cássio sem ação e desempatou o duelo aos 47 minutos do segundo tempo para o Tricolor.

Com a vitória por 2 a 1, o São Paulo vai a 13 pontos no Campeonato Brasileiro e atinge a segunda posição na tabela. Enquanto o Corinthians permanece com cinco pontos, na 13ª colocação. Na próxima rodada, o Tricolor enfrentar o Atlético-MG, fora de casa, nesta quinta-feira, às 20h, enquanto o Timão pega o Goiás, também fora de casa, nesta quarta-feira, às 19h15.


FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 2 X 1 CORINTHIANS
Local: Morumbi, São Paulo (SP)
Data-Hora: 30/8/2020 – 11h
Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (Fifa/SP)
Assistentes: Neuza Ines Back (Fifa/SP) e Alex Ang Ribeiro (SP)
VAR: Marcio Henrique de Gois (SP)
Público/renda: Portões Fechados
Cartões amarelos: Luciano, Brenner e Tchê Tchê (SAO)
Cartões vermelhos: –
Gols: Hernanes (13’/1ºT) (1-0), Ramiro (35’/1ºT) (1-1), Brenner (47’/2ºT) (2-1)

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Igor Vinícius, Diego Costa, Léo e Liziero; Tchê Tchê, Gabriel Sara (Igor Gomes, aos 12’/2ºT) e Hernanes (Luan, aos 28’/2ºT); Luciano (Toró, aos 28’/2ºT), Paulinho Boia (Brenner, aos 12’/2ºT) e Pablo (Bruno Alves, aos 48’/2ºT). Técnico: Fernando Diniz.

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Gil, Danilo Avelar e Sidcley; Cantillo (Otero, aos 16’/2ºT) e Éderson; Ramiro (Gabriel, aos 33’/2ºT), Araos (Luan, no intervalo) e Léo Natel (Gustavo Silva, aos 16’/2ºT); Jô (Boselli, aos 45’/2ºT). Técnico: Tiago Nunes.

Clique para adicionar um comentário

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × 4 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Destaque

Mais em Destaque

Tricolor empata com o Internacional no Beira-Rio

saopauloadmin27 de setembro de 2020

Tricolor tem a pior média de gols sofridos entre os times da Série A em 2020

saopauloadmin23 de setembro de 2020

Tricolor vai para Quito com seis desfalques; veja os nomes

saopauloadmin21 de setembro de 2020

São Paulo empata com o River no Morumbi

saopauloadmin18 de setembro de 2020

Hernanes celebra marca de 300 jogos e fala sobre empate

saopauloadmin10 de setembro de 2020

Desfalque no jogo de hoje, Diniz responde até quando Pablo deve ficar afastado da equipe

saopauloadmin6 de setembro de 2020

Cirurgia de Dani Alves é bem sucedida

saopauloadmin27 de agosto de 2020

Hernanes celebra retorno ao time e destaca importância de o SPFC “aprender a ganhar”

saopauloadmin27 de agosto de 2020

Com gol de Luciano, São Paulo vence o Athletico Paranaense

saopauloadmin26 de agosto de 2020