Destaque Noticia

Zagueiro diz ainda sonhar com Seleção e não descarta volta ao São Paulo

Lucão não guarda ressentimentos do São Paulo. Apesar de situações controvérsias envolvendo sua relação com a torcida do clube, ele revelou, em papo exclusivo com o Esporte Interativo, que não tem mágoa e nem frustração quanto à sua passagem no Tricolor.

“Quando as coisas aconteceram, claro que a gente fica triste. Naquele momento pode ter existido um pouco de frustração, mas hoje não. Eu vivi tudo que eu tinha que viver no São Paulo, fui feliz, tive momentos bons, ruins, enfim… Sou grato”, contou o zagueiro.

Não à toa, Lucão não descarta uma volta ao clube que o criou. O jogador passou praticamente a infância inteira no CT de Cotia e, depois, no CT da Barra Funda.

“O carinho pelo São Paulo sempre vai existir pela identificação que tive com o clube, minha infância inteira foi lá. É algo que não posso negar e que é prazeroso e gratificante. Com uma carreira mais consolidada isso pode acontecer, vestir a camisa do São Paulo, porque o futebol é muito dinâmico, as coisas acontecem rápido. Não posso dizer que não, um dia isso pode acontecer”, revelou.

Quando defendia as categorias de base do São Paulo, Lucão passou também pelas Seleções de base. O jogador não esconde seu desejo de voltar a encontrar seu alto nível e ter a convocação para a Seleção principal.

“Enquanto eu estive ali, eu fui muito feliz. E, claro, sonho em dar a volta por cima e chegar à seleção brasileira principal. Tenho esse potencial, essa qualidade, vejo como um objetivo na minha carreira” finalizou.


Lucão hoje defende a camisa do Goiás. Ele conta também sobre como a estrutura do clube superou suas expectativas, ainda que tenha sido criado no São Paulo, que antes fora um grande espelho no quesito.

“Eu não conhecia a história do clube, mas me impressionei bastante. É muito organizado, tem estrutura, que é algo que eu não conhecia também. Fiquei surpreso e não senti falta de nada daquilo que tinha no São Paulo. Acho que o Goiás tem tudo pra continuar crescendo e sendo clube de referência”, finalizou o zagueiro.

Clique para adicionar um comentário

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 − cinco =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Destaque Noticia

Mais em Destaque Noticia

Ceni pede ao juiz para jogo acabar: “Meu time sem chance”

saopauloadmin19 de novembro de 2020

Vai ter festa no Morumbi! Quarta-feira às 19h00, recepção do ônibus tricolor

saopauloadmin16 de novembro de 2020

Rodrigo Nestor comemora estreia no São Paulo: ‘Sonhava desde criança’

saopauloadmin15 de novembro de 2020

Brenner foi aposta de Ceni no São Paulo aos 17 anos; hoje é carrasco

saopauloadmin12 de novembro de 2020

Diniz: O Flamengo poderia ter aproveitado, mas não aproveitaram as chances de erros nossos

saopauloadmin12 de novembro de 2020

“Não tem nada de kamikaze. Treinar o que a gente treina para poder sair jogando, é muito treino” afirma Diniz

saopauloadmin12 de novembro de 2020

Atacante desperta interesse de Ajax, PSG, Milan, Arsenal, Juventus e Lazio

saopauloadmin11 de novembro de 2020

Veja a repercussão da possível volta de Luis Fabiano

saopauloadmin9 de novembro de 2020

São Paulo volta aos treinos com Gabriel Sara e Daniel Alves já de olho no Flamengo, confira!

saopauloadmin9 de novembro de 2020